Mar 1, 2010

Multidirectional scarf


Alert.This post is going to be on the grumpy side... my Grumperina side
I finished off the multidirectional scarf and it’s like a huge load has been lifted off my back. When I started this project I was feeling really good and excited, but as soon I started knitting it, I realize the yarn was very inconsistent. I have never had such a disappointing experience with a yarn like this. I would never buy Noro Kureyon, ever again. In some parts of the scarf, I had to double strand and some triangles got a little thick on the texture, and in some other parts, it turned out really thin, almost thread thin texture.
It was a mess, and I hated the colorway so much, I decided to use different yarns from my leftover stash, just to make the colors to pop up and bring some life to the scarf.
I just cannot believe nobody had problems with Noro. I looked up online under yarn reviews and there is nothing written about Noro, nothing!!! Hard to believe!
Another issue I got stumped at was the casting off technique on the diagonal multidirectional. It took me a solid full day to figure it out. The only thing I had to do was to just knit exactly like it was written on the pattern. Oh, well, I am happy it is all behind.
I took some pictures and I am posting them as reference for future projects. No, I don’t have plans to return to knit this pattern ever again, but in case I change my mind, I have a door open, so to speak.
Some talented knitters who beautifully knitted the scarf.
Therese's knitting, Twisted Knitter,Tricô e Mais Tricô ,Mitricot, Mathomhouse, Sarah's craft closet, Wendy, Márcia, Hither and yarn

Eu terminei o cachecol multidirecional e foi como se um peso enorme saisse das minhas costas. Quando eu comecei este projeto, eu estava bem empolgada e sentindo que eu ia conseguir, mas logo que comecei a tricotar, percebi que o fio era muito inconsistente. Eu realmente nunca tinha tido uma experiência com um fio como este antes. Eu jamais compraria Noro Kureyon, novamente.
Alguns triângulos ficaram com uma textura grossa, e em outras partes, o fio revelou-se muito fino, tão fino, que eu tive que dobrá-los.
Eu odiei as cores, tanto, que decidi usar fios diferentes de sobras de outros trabalhos, para fazer a cachecol ganhar um pouco de vida.
Eu simplesmente não posso acreditar que ninguém teve problemas com Noro. Procurei na internet e não há nada escrito sobre Noro, nada! Difícil de acreditar!
Outra questão que eu encalhei foi com a técnica de arrematá-lo. Levei um dia inteiro tentando arrematar o bendito sem sucesso.
Até que eu li e entendi. É exatamente como lê-se na receita. Postei algumas fotos, apenas como referência para o futuro. Eu não tenho planos de voltar a tricotar essa receita nunca mais, mas em caso eu mude de idéia, eu tenho uma porta aberta para possibilidades.

Artesão(a): Claudia Maria

Materiais:
- 2 novelos de lã Fio Napoli da Linea Italia na cor 14
- Agulha para tricô nº7
Passo a passo:

Pontos: tricô, mate simples (tire um ponto sem fazer, 1 tricô passe o ponto sem fazer por cima do tricô).

1- Colocar 2 pontos na agulha, 1ª carreira: 1 tricô, 1 laço, 1 tricô.
2- 2ª carreira: 1 tricô, 1 laço, 2 tricô.
3- 3 ª carreira: 1 tricô, 1 laço, 3 tricô. Continuar aumentado 1 ponto em todas as carreira até obter 22 pontos.

Próximo passo:
4- 1 aumento no 1º ponto, 1 mate simples, volte (vire o trabalho e trabalhe os pontos em tricô)todas as carreira de volta em tricô.
5- 1 aumento no 1º ponto, 1 tricô, 1 mate simples, volte
1 aumento no 1º pontos, 2 tricô, 1 mate simples, volte
1 aumento no 1º pontos, 3 tricô, 1 mate simples, volte
6- Continuar fazendo o aumento no 1º ponto e tricô até terminar os pontos do triangulo anterior.
7- Começar novamente os aumentos e os mates simples como nas carreiras anteriores, até atingir o comprimento desejado para o cachecol.
8- Ultimo triângulo (para ficar com o acabamento quadrado), trabalhe esse triângulo como os anteriores até ter o mesmo nº de pontos nas 2 agulhas (metade em cada uma).
9- Volte em tricô normalmente, arremate 1 ponto.
10- Continuar a carreira até a metade 1 mate simples volta, mais uma diminuição.
11- Continuar a carreira até a metade 1 mate simples.
12- Continuar dessa maneira até terminar os pontos.
13- Corte o fio e passe pelo elo do ponto.

1 comment:

Lorena Cristina said...

Giisa, te adoro.
Beiijos Ló.